Livre-se da Pobreza Honrada e tenha uma vida próspera - Site oficial da escritora de livros Jussara Souza
15323
post-template-default,single,single-post,postid-15323,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,qode-theme-ver-11.1,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Livre-se da Pobreza Honrada e tenha uma vida próspera

Livre-se da Pobreza Honrada e tenha uma vida próspera

“É mais fácil passar um camelo pelo buraco de uma agulha, do que entrar um rico no reino dos céus”.

Você também compartilha do mesmo pensamento? Se sua resposta foi um “sim”, sinto-lhe dizer que pertence ao grupo de pessoas que cultuam a “pobreza honrada”.

E, se por acaso, ainda tem como crença que “ser rico é pecado”, é bem provável que esteja afastando a prosperidade da sua vida. Tais pensamentos apenas servirão para distanciá-lo da abundância. Você apenas encontrará obstáculos, que o impedirão de atingir o sucesso financeiro. Se pensa em escassez, escassez é o que terá.

Em sua passagem pelo Brasil, em Agosto de 2018, Tony Robbins disse para as 11 mil pessoas presentes no evento em São Paulo: “Observe o que as pessoas ‘pobres’ estão fazendo e façam totalmente o contrário”. Por favor, não leve para o pessoal. Os “pobres” os quais ele se referia estão ligados àqueles cujos pensamentos e sentimentos estão sempre conectados à privação financeira.

Tony Robbins, um dos coachings mais famosos do mundo, é também um grande filantropo. Parte de sua riqueza é destinada a ajudar as camadas menos favorecidas. Já ajudou a alimentar 100 milhões de pessoas. E tem como objetivo matar a fome de 1 bilhão nos próximos 6 anos. Ele atua com a Feeding America, instituição não governamental que, juntamente com milhares de voluntários pelo mundo afora, distribui comida para os mais necessitados.

Tony Robbins é bilionário, e quanto mais ganha, mais compartilha. Não somente financeiramente, mas principalmente, com seu conhecimento. Daí eu te pergunto: Será mesmo que ele é uma pessoa pecadora devido sua enorme fortuna? Creio que não. Vejo que o Universo prospera a seu favor

Possivelmente, se não houvessem pessoas abastadas como Tony Robbins, e tantas outras altruístas – que ganham seu dinheiro de maneira íntegra -, certamente os governantes não dariam conta de ajudar e manter os menos afortunados.

Tim Ferris, em seu livro Ferramenta de Titãs, entrevistou as pessoas mais bem sucedidas em suas áreas. Em torno de 80% delas destinam parte de suas rendas à algum tipo de assistência filantrópica. Além disso, eles não ajudam apenas com comida; também se interessam por partilhar sabedoria. Eles estão preocupados em não oferecer o “Pão da Vergonha” para estas pessoas, ou seja, querem ensiná-las a buscar por aquilo que desejam através do trabalho e do conhecimento.

Vejamos, se há alguém ganhando dinheiro e recolhendo seus impostos de forma correta, inevitavelmente, a prosperidade estará ao seu lado. Além do mais, os imposto pagos poderão assegurar bem-estar para a população de sua cidade, seu estado e sua nação.

“…não devemos olhar a riqueza como se fosse um meio impuro, nem devemos pensar que a pobreza seja uma virtude (não mesmo!). Isso é um conceito moral deturpado, que se chama ‘glorificação do sofrimento’, comenta Yoshihico Iuassaca, em seu livro “A prosperidade em suas mãos”. Segundo Iuassaca, “a pobreza honrada atrai ainda mais pobreza, tanto na terra como no céu”.

Eu mesma costumo abençoar tudo que adquiro (comida, roupa, etc), os lugares que visito, as experiências que tenho, para que sempre possa ter daquilo mais e mais. Não penso em crise. O meu pensamento está voltado para uma vida próspera, bem como poder compartilhar com àqueles que não tiveram as mesmas oportunidades que tive. É o conceito do “Dar e Receber”. Quando mais obtenho, mais ajudo, consequentemente, mais recebo de volta. É o ciclo da prosperidade.

É preciso eliminar os pensamentos e as atitudes ligadas à “pobreza honrada”. Por exemplo, quando encontrar com alguém evite ficar reclamando de falta de dinheiro. Reclamar significa clamar ao Universo. Note que as pessoas bem-sucedidas, sentam para falar de coisas prósperas, novos negócios, viagens, trabalho. Enquanto os “pobres” sentam-se para falar dos boletos para pagar, da falta de dinheiro, que isso e aquilo é caro. Eles estão simplesmente emitindo vibrações de pobreza. Sempre digo as pessoas ao meu redor “As coisas não são caras, você apenas não pode adquiri-las agora. Mude sua forma de pensar.”

Quando fiz o quadro dos sonhos, um dos meus objetivos era ter dinheiro suficiente para comer em bons restaurantes e tomar bons vinhos. Não queria mais sentar e ter que escolher o prato mais barato. Livrai-me da parmegiana de frango, quando quero mesmo é comer o bacalhau português com um bom vinho do porto. Adoro comida simples, mas também aprecio uma boa culinária.

Mesmo que esteja passando por dificuldades financeiras, abençoe todas as coisas que comprar. Agradeça. Estamos acostumados a lamentar ao invés de agradecer por tudo que conseguimos adquirir. “Eu queria tanto isso, ou aquilo’, “Sou infeliz porque não possuo tal coisa.” Pare já com essa choradeira e comece a decretar:

“Eu sou rico. Eu tenho condições de prosperar infinitamente, porque sou filho de Deus, estou recebendo d’Ele a provisão divina.”

A gratidão é capaz de nos conectar com as forças Divinas. Ela sintonizará você com o Universo da Prosperidade, materializando todos os seus desejos.

Então “pra que” ficar esperando por milagres?!

 

Namastê.

Compartilhe! =D
2 Comentários
  • Ana Emília Valente
    Postado às 19:13h, 17 janeiro Responder

    Jussara querida, vc sempre me fortalece com seus ensinamentos. Gratidão.

    • JUSSARA SOUZA
      Postado às 10:42h, 18 janeiro Responder

      Olá Ana, eu que agradeço o carinho. Somos todos professores e alunos. Bjoss grande. Namastê.

Postar um comentário